segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

O trenzinho do Nicolau

O trenzinho do Nicolau

Lá vai Nicolau com seu trenzinho...
Sobe montanha,
atravessa rio,
desce ladeira, cruza desvio.
Piuiii... Piuiii...
Adeus, menino que joga bola...
Adeus, mulheres que lavam roupa...
Adeus, vaquinha que come grama...
Adeus...
Adeus...
Lá vai Nicolau com seu trenzinho.
Todo dia. Todo dia. Todo dia.


Ruth Rocha, o trenzinho do Nicolau, Abril

Caxuxa, a bruxa

Caxuxa, a bruxa

Caxuxa era uma bruxa,
Mas puxa...  um pouco gorducha
Para uma bruxa.

Todo dia, o mesmo vexame
Vestia o chapéu e o cinturão,
Subia na vassoura,
Não saia do chão.

Só pensava em comer,
Não tinha sossego.
Virava e mexia no tacho
Xarope de asas de morcego.

Não perdia a deixa
De chupar sorvete de ameixa.

Comia chicória, comia salsicha,
Mas sua grande glória
Era chiclete sabor lagartixa.

Claudia Fragata. Caxuxa, a bruxa.
Revista Recreio especial Era uma vez... nº. 1.abril, 2003
São Paulo,






sábado, 16 de dezembro de 2017

O caçador de nomes

O caçador de nomes

Cada coisa tem um nome.
Coloco em minha bagagem
um pouquinho de coragem e atravesso a floresta
para descobrir o nome das coisas.

Riachinho chuá chuá
que nome que você tem?
-  Estou com pressa – diz o riacho –
vivo viajando, vem comigo, vem!

Borboleta de asas brilhante,
que nome você tem?
- Estou ocupada, voando, voando
não posso parar, não posso voar.

Grilo do pulo grande
que nome você tem?
- Só posso pular, só posso pular
não posso falar, não posso falar.

Mas será possível! Ninguém
tem um minuto para me escutar?
O eco responde?
Ninguém tem... ninguém tem...

Roseana Murray. Fardo de carinho.
Belo Horizonte, Editora Lê. 1993.


Atirei o pau no gato


ATIREI O PAU NO GATO

NÃO ATIRE O PAU NO GATO-TO

PORQUE ISSO-SO NÃO SE FAZ-FAZ-FAZ.

O GATINHO-NHO É NOSSO AMIGO-GO.

NÃO DEVEMOS MALTRATAR OS ANIMAIS.
MIAU!
  1. (FOLCLORE)


Texto digitado pelo aluno Abrão Celestino Leão, do 7º ano.

segunda-feira, 27 de março de 2017

Avaliação da alfabetização: Língua portuguesa e Matemática

Avaliação da alfabetização: Língua portuguesa e Matemática

Avaliação direcionada para a primeira etapa de alfabetização do ensino fundamental, do primeiro ao terceiro ano do ensino fundamental.

20 questões avaliativas de cada matéria, todas embasadas no Pró - Letramento

"O Pró-Letramento é um programa de formação continuada de professores  para melhoria qualidade de aprendizagem da leitura/escrita e matemática nas séries iniciais do ensino fundamental".

Exemplo:


Para acessar e copiar é   só clicar no link a baixo:

Língua portuguesa  ⇓



Matemática ⇓

https://drive.google.com/file/d/0B-FbBYLbLUGxSXBiRXg5Y3JRWE0/view?usp=sharing https://drive.google.com/file/d/0B-FbBYLbLUGxUWxmMG1rNGpQRVU/view?usp=sharing



Fazer a leitura do Guia de apresentação, correção e interpretação dos resultados e fundamental.
ELABORAÇÃO: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) Diretoria de Avaliação da Educação Básica (Daeb)

Guai de correção ⇓

https://drive.google.com/file/d/0B-FbBYLbLUGxUEMwMmF4ak9qbDQ/view?usp=sharing


terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Atendimento Educacional Especializado: Aspectos Legais e Orientação Pedagógica


Atendimento Educacional Especializado: Aspectos Legais e Orientação Pedagógica de:
Eugenia Augusta Gonzaga Fávero
Luísa de Marillac P. Pantoja
Maria Tereza Egler Mantoan

Postei este livro porque ele é de domínio público e tira muitas duvidas sobre avaliação, repetência e do direito de acesso à educação, em ambiente escolar que não seja segregado, juntamente com seus pares da mesma idade cronológica. 




Para acessar o livro clique no link abaixo

https://drive.google.com/file/d/0B-FbBYLbLUGxaXVSZVFJZURDbm8/view?usp=sharing

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Matemática: Grandezas e Medidas

Calendário no quadro de pregas



Atividade: Calendário
Como o calendário foi feito em quadro de pregas, pode ser usado o ano todo. todas as peças são removíveis. 

Objetivo: 

  • Identificar e relacionar unidades de medidas de tempo - dia, semana, mês e ano;
  • reconhecer o sistema de contagem de tempo (dia, mês e ano) como uma necessidade para a organização da nossa vida;
  • destacar a sucessão e a duração do tempo pela contagem e sequência dos dias da semana;
  • identificar os feriados regionais e datas comemorativas, e o consumo gerado por estas festas.
Fiz para usar com os alunos no Atendimento Educacional Especializado.

Material:

  • TNT xadrez para facilitar a costura reta;
  • linha de costura; (pode ser com cola quente)
  • retalhos de EVA para decoração;
  • papelão para colar a numeração (usei o papelão de uma pasta arquivo);
  • cola, tesoura;
  • fita adesiva grossa para plastificar as fichas numeradas de 1 a 31;
  • duas folhas de papel colorido para encapar as fichas maiores, uma cor para domingo e feriados e outra para o sábado;
  • cordão para pendurar após o uso;
  • usei a régua retirada da pasta arquivo para ficar mais durinho e para amarrar o cordão.
Referência

Pró-letramento: Programa de Formação Continuada de Professores dos Anos/Séries iniciais do Ensino Fundamental: matemática/. - ed. rev. e ampl. incluindo SAEB/Prova Brasil de referência. Secretaria de Educação Básica - Brasilia: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica., 2008. 308 p.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Dobradura Peixe.


Dobradura passo-a-passo












Dobradura passo - a - passo feito pela educadora e pelos alunos atendidos na sala de recursos multifuncionais. Decoração para a barra de pescaria da festa junina na quadra da escola.

Material

  1. papelão para a base do peixe do tamanho que você preferir, neste ai usamos um lado de uma caixa com mais de 60 cm;
  2.  cordão grosso para fazer o suporte para pendurar depois. 
  3. grampo e grampeador para prender as escamas;
  4. cola quente para colar as escamas no molde de papelão;
  5. meia folha de EVA para a cabeça e retalhos para os olhos;
  6. pincel colorido para o contorno da boca;
  7. revistas para recorte.



sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Classicos infantis: O Pequeno Polegar

Pequeno Polegar

      O PEQUENO POLEGAR TINHA SEIS IRMÃOS.
ERAM MUITOS POBRES, NÃO TINHAM DINHEIRO PRA NADA, ATÉ PASSAVAM FOME. DEESPERADOS,  O PAI  DELES RESOLVEU ABANDONÁ-LOS NA FLORESTA.

        SÓ QUE O PEQUENO POLEGAR, INTELIGENTE E ESPERTO, OUVIRA OS PLANOS DO PAI, JUNTOU PEDRINHAS PARA JOGAR AO LONGO DA CAMINHADA. ASSIM SABERIA COMO VOLTAR PARA CASA.
       TEMPOS DEPOIS, O PAI NOVAMENTE OS ABANDONA. PERDOS E JÁ MUITO CANSADOS, ELES ENCONTRAM UMA CASA BEM O MEIO DA FLORESTA. SEM SABER, ESTAVAM BATENDO NA PORTA DA CASA DO GIGANTE PAPÃO.

      QUEM ATENDEU AS CRIANÇAS FOI A MULHER DA FERA QUE, MUITO PREOCUPADA, TRATOU DE ESCONDÊ-LAS RAPIDAMENTE. MAS, ASSIM QUE CHEGOU, O GIGANTE PAPÃO, PELO CHEIRO, AS ESCONTROU.

      FAMINTO, O GIGANTE LOGO QUIS DEVORÁ-LOS PORÉM, SUA MULER O CONVENCEU DE QUE PREPARARIA, PARA O DIA SEGUINTE, UMA SUCULENTA RECEITA: CRIANÇAS REFOGADAS NA CEBOLA COM BATATAS E MUITAS AZEITONAS.

      APÓS A IMENSA JANTA, REGADA A VÁRIAS GARRAFAS DE VINHO, O MONSTRO ADORMECEU. SUA MULHER, SILENCIOSAMENTE, LIBERTA AS CRIANÇAS. E, ANTES DE PARTIREM, ELA LHES DÁ UMA FORTUNA EM MOEDAS E BARRAS DE OURO. TUDO AQUILO ERA FRUTOS DE ROBOS E MALDADES DO MARIDO. ASSIM, ELA LHE DARIA UMA BOA LIÇÃO.

      NA MANHÃ SEGUINTE, A FERA ACORDOU COM MUITA FOME. NÃO SENTINDO O CHEIRO DA COMIDA QUE SUA MULHER HAVIA PROMEIDO, BERROU: 
      _ MULHER CADÊ A COMIDA? 
      QUANDO SOUBE DO QUE ACONTECEU, FOCOU FURIOSO. CALÇOU SUAS BOTAS DE SETE-LÉGUAS E SAIU CORRENDO ATRÁS DAS CRIANÇAS.

      APÓS ALGUM TEMPO, JÁ QUASE ALCANÇANDO AS CRIANÇAS, O GIGANTE PAPÃO DÁ UMA PARADINHA PRANDESCNASAR E DORMECE. O PEQUENO POLEGAR, ALÉM DE ESPERTO, É MUITO CORAJOSO. COM CAUTELA, APROXIMA-SE DA FERA E ROUBA-LHE AS BOTAS.

      AO ACORDAR O MONSTRO SE DÁ CONTA DO OCORRIDO E, EMBORA FURIOSO, DESISTE DA PERSEGUIÇÃO, POIS EM AS BOTAS DE SETE-LÉGUAS JAMAIS ALCANÇARIA OS FEDEHOS. ASSIM, GRAÇAS À GENEROSIDADE DA MULHER DO GIGANTE, E O PEQUENO POLEGAR E SUA FAMÍLIA NUNCA MAIS PASSARAM POR DIFICULDADES E VIVERAM FELIZES PARA SEMPRE.

       E, O GIGANTE PAPÃO, PARA ESFRIAR A CABEÇA, MERGULHOU NO LAGO PERTO DE SUA CASA.

Pequeno Polegar: Clássicos infantis Coleção Vivacor.Escola Educacional. nº 7.